Bebês

Reforço das vacinas, veja sua importância!

Reforço das vacinas, veja sua importância!

3 minutos As doses de reforço são importantes para a efetividade das vacinas! As vacinas são substâncias que estimulam a produção de anticorpos, os agentes de defesa que atuam contra os vírus e bactérias que provocam doenças infecciosas. Algumas vacinas requerem mais de uma dose para produzir os anticorpos necessários, e as doses de reforço ajudam a recuperar a quantidade de agentes de defesa que se perdem ao longo do tempo. As vacinas contêm os agentes causadores das doenças em sua fórmula, e por Continue lendo

Hepatites Virais: tudo que você precisa saber!

Hepatites Virais: tudo que você precisa saber!

6 minutos Vacina Hepatite Viral A hepatite viral é uma doença infecciosa que atinge o fígado e pode ser causada por diferentes vírus, que possuem formas de transmissão e causam alterações leves, moderadas ou graves. As consequências da doença podem ser uma série de sintomas similares à virose ou podem evoluir para uma hepatite crônica ou fulminante, câncer no fígado ou cirrose. Segundo os dados mais recentes do Ministério da Saúde, divulgados no Boletim Epidemiológico de Hepatites Virais de julho de 2020, as hepatites mais comuns Continue lendo

Meningite ACWY: tudo que você precisa saber!

Meningite ACWY: tudo que você precisa saber!

2 minutos Meningite ACWY A meningite é uma doença inflamatória que afeta as membranas da medula espinhal e do cérebro, e faz de suas maiores vítimas as crianças de até 5 anos de idade. Em 2018, o Ministério da Saúde contabilizou mais de 3 mil mortes causadas pela doença, de um total de 15.706 casos no ano.  Mesmo com o tratamento adequado e em tempo hábil, entre 5% e 25% dos recém-nascidos e 5% a 10% de bebês maiores e crianças com meningite bacteriana Continue lendo

Meningite B: tudo que você precisa saber!

Meningite B: tudo que você precisa saber!

4 minutos Meningite B: vacinação das crianças! A meningite B está em segundo lugar entre as causas de doença meningocócica invasiva, sendo responsável por cerca de 20% dos casos em todas as faixas etárias! Crianças de até 5 anos são as principais vítimas dessa doença inflamatória, que contabilizou mais de 3 mil mortes em 2018, segundo o Ministério da Saúde. A doença atinge as membranas da medula espinhal e do cérebro e pode ser letal ou deixar sequelas. Entre os sobreviventes, 2 em cada Continue lendo

Dia Mundial do Combate à Meningite: saiba tudo sobre a doença!

Dia Mundial do Combate à Meningite: saiba tudo sobre a doença!

5 minutos Dia Mundial de Combate à Meningite: proteger é um ato de amor! O Dia Mundial do Combate à Meningite destaca a importância da prevenção, diagnóstico e tratamento contra essa doença inflamatória que afeta as membranas da medula espinhal e do cérebro. A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que todos os anos ocorram 1,2 milhões de casos e 135 mil mortes por meningite, e as crianças de até 5 anos são as principais vítimas da doença. Isso porque mesmo com o tratamento Continue lendo

Vacinas que previnem a pneumonia

Vacinas que previnem a pneumonia

5 minutos Vacinas contra a pneumonia! Mesmo sendo uma doença prevenível por vacina, a pneumonia é uma das doenças que mais matam crianças menores de 5 anos no mundo todo! Ela ocorre quando um agente infeccioso entra no pulmão e atinge os alvéolos pulmonares, onde ocorre a troca gasosa. Como a maior parte das doenças respiratórias, sua transmissão ocorre em locais fechados e com grande aglomeração, ou através de espirros, tosse ou compartilhamento de objetos pessoais, como talheres e copos. Mudanças bruscas na temperatura Continue lendo

Vacinas salvam 4 vidas por minuto, segundo OMS!

Vacinas salvam 4 vidas por minuto, segundo OMS!

2 minutos Vacinar salva vidas! A chegada da vacina contra o novo coronavírus em 2021 criou uma grande campanha de vacinação pelo país. A solução para este problema, porém, pode expor um outro problema de saúde pública que já vem preocupando os profissionais da saúde há 5 anos: a queda na cobertura vacinal contra várias outras doenças. Segundo o Ministério da Saúde, com dados de outubro de 2020, apenas 63,88% dos brasileiros se vacinaram contra a BCG, 68,46%, contra o rotavírus humano, 71,98% contra a pneumonia e Continue lendo

Saiba a importância da vacina Tríplice Bacteriana!

Saiba a importância da vacina Tríplice Bacteriana!

6 minutos A importância da tríplice bacteriana. A vacina tríplice bacteriana é uma vacina obrigatória que protege contra difteria, tétano e coqueluche. Ela existe em diferentes tipos, destinados a faixas etárias diferentes, e pode ser combinada com outras vacinas para economizar picadas. Saiba mais sobre cada uma das doenças que ela protege e conheça melhor a vacina: Tétano O tétano é uma doença infecciosa causada pela toxina do bacilo tetânico (Clostridium tetani). Não é uma doença contagiosa, mas muito perigosa, pois os esporos da Continue lendo

BCG: saiba tudo sobre a primeira vacina do bebê!

BCG: saiba tudo sobre a primeira vacina do bebê!

2 minutos Proteção ao recém-nascido com a BCG! BA vacina do Bacilo Calmette–Guérin (BCG) é uma das primeiras vacinas da vida, pois deve ser tomada nas primeiras 12h após o nascimento. Ela foi desenvolvida pelos médicos franceses Calmett e Albert Guérin, no Instituto Pasteur, em Paris, para ser usada no combate à tuberculose a partir de 1921. No Brasil, desde 1976 o Ministério da Saúde tornou obrigatória a administração da BCG em crianças até os 4 anos e está disponível no Sistema Único de Continue lendo

Febre amarela: transmissão, sintomas e prevenção.

Febre amarela: transmissão, sintomas e prevenção.

4 minutos Vacinação da Febre Amarela A febre amarela é uma doença infecciosa transmitida por um arbovírus (vírus transmitidos pelas picadas de insetos), típica de regiões tropicais e com tendências a surtos quando o clima esquenta, pois favorece a reprodução do mosquito transmissor. Alguns estudos históricos mostram que a febre amarela atinge especialmente primatas e provavelmente surgiu na África, sendo trazida ao Brasil pelos navios negreiros, numa época em que não se tinha saneamento básico. A doença é tão altamente transmissível que segue gerando Continue lendo