Preciso de tratamentos para gripe: ela parou o meu trabalho

Tempo de leitura: 5 minutos

Você conhece os tratamentos para gripe? Veja como se proteger da doença e evitar o afastamento de suas atividades diárias no trabalho. Leia mais!

“Não consegui dormir essa noite. O meu corpo doía, meu nariz não parava de escorrer, senti dor em todo o corpo, tossia muito e tive febre. Quando vi que estava na hora de levantar para trabalhar, percebi que não tinha conseguido pregar o olho. Será resfriado? Ou preciso de tratamentos para gripe?”

Essa situação é muito comum: de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS) estima-se que a gripe afeta gravemente 3,5 milhões de pessoas por ano.

Contudo, muitas pessoas, ao confundirem gripe com resfriado, pensam que é frescura se prevenir ou ir ao médico por esse motivo. A gripe é uma doença viral que precisa de tratamento, acompanhamento e repouso. Assim, o paciente consegue recuperar sua capacidade física e impedir que outras doenças, como pneumonia, otite ou sinusite sejam desenvolvidas, por exemplo.

Certamente essa situação já aconteceu com você! Quer entender mais sobre o assunto e sobre os tratamentos para gripe? Preparamos este conteúdo para quem já precisou se afastar do trabalho pela gripe. Confira!

tratamentos para gripe
A gripe afeta, gravemente, mais de 3,5 milhões de pessoas por ano. Por isso, previna-se!

A gripe e o ambiente de trabalho

A gripe é causada pelo vírus influenza e provoca uma inflamação no sistema respiratório. Qualquer pessoa está propensa a “pegar” gripe em qualquer época do ano. Contudo, ela é muito mais comum no inverno.

Quando uma pessoa “pega” gripe, é essencial que ela fique afastada do seu trabalho tanto para sua recuperação como para não contagiar outras pessoas.

Isso porque o vírus da gripe está presente em milhões de pequenas gotículas. Elas saem da pessoa infectada pela tosse ou espirro – e, então, espalham-se por cerca de um metro.

Qualquer pessoa que respira essas gotículas pode ser contaminada pelo vírus gripe. Isso pode acontecer também ao encostar em uma superfície contaminada e, em seguida, tocar o nariz ou a boca.

Os principais sintomas da gripe que causam improdutividade

Alguns dos sintomas da gripe são semelhantes a um resfriado. Porém, é importante não confundi-los, pois a gripe é mais grave. Além disso, a gripe tem maior duração. Aliás, já falamos da diferença de gripe e resfriado em outro conteúdo aqui no blog (clique aqui para conferir).

Agora, confira os sintomas da gripe mais comuns:

  • Falta de apetite;
  • Dor corporal;
  • Tosse seca;
  • Cansaço;
  • Calafrios;
  • Corrimento nasal;
  • Espirros;
  • Febre com mais de 38°C;
  • Dificuldade para dormir.

Agora, você imagine tentar trabalhar com todos esses sintomas. Certamente o dia não será nada produtivo, você concorda? Então, o melhor, é ficar em casa e se recuperar até que o organismo esteja em condições para o trabalho.

Os principais tratamentos para gripe são: consultar um médico; ficar de repouso até o vírus completar o seu ciclo e sair do organismo. O médico pode prescrever alguns remédios para combater os principais sintomas e aliviar as dores e desconfortos.

Outra dúvida muito comum é sobre quanto tempo dura uma gripe. O ciclo do vírus dura em média de 7 a 10 dias.

As formas de prevenção

A notícia boa é que se você quer evitar pegar gripe e se afastar das suas atividades diárias, há uma forma eficaz sobre como se prevenir contra  a  gripe: a vacinação. Assim, você não precisa investir nos tratamentos para gripe, certo?

A campanha é disponibilizada anualmente nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) e clínicas privadas. Inclusive, muitas empresas fazem parceria com clínicas particulares para vacinar seus funcionários, como uma maneira de proteger a sua saúde.

Além disso, existem algumas formas secundárias de prevenção:

  • Ter álcool gel na bolsa e utilizar sempre que entrar em contato com uma pessoa contaminada;
  • Evitar ficar em lugares fechados sem circulação de ar;
  • Lavar sempre as mãos;
  • Manter as superfícies de trabalho sempre limpas e higienizadas com álcool gel;
  • Usar tecidos para cobrir o nariz e boca quando for espirrar ou tossir;
  • Evite o contato com pessoas quando estiver infectado para não passar;
  • Ter uma alimentação saudável e beber muita água.

Evite se afastar do seu trabalho pela gripe!

Se você é daquelas pessoas que não conseguem se afastar do seu trabalho, é essencial investir nos tratamentos para gripe que citamos neste texto.

O vírus afeta seu ânimo, sua rotina e produtividade. Portanto, agora você sabe que, de 7 a 10 dias, você ficará sem as suas forças habituais caso contraia gripe, certo?

Procure uma clínica de vacinação, ou se você estiver entre os elegíveis para tomar a vacina- um posto de saúde, para se proteger contra a doença. Assim, terá uma vida saudável e melhor. Além de não comprometer a sua saúde, você evita problemas por faltas em sua empresa e trabalho acumulado.

Agora que você sabe quais são os tratamentos para gripe, que tal entrar em contato conosco para saber mais sobre a vacina?


FONTES:
www.scielo.br
www.ufjf.br
www.brasil.gov.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *