Conheça os tipos de vírus da gripe, as diferenças entre eles e os sintomas causados

Tempo de leitura: 4 minutos

Você faz confusão sobre os principais tipos de vírus? Então, leia o nosso post completo e entenda tudo sobre o assunto!

 

É muito comum ouvirmos pessoas falando que não farão a vacina da gripe porque “ano passado eu fiz e mesmo assim peguei gripe”. Essa confusão costuma acontecer porque as pessoas não compreendem que existem diferenças nos tipos de vírus.

O vírus da gripe (Influenza) é responsável por uma alta taxa de hospitalização, além do óbito.

Ele  propaga-se facilmente e atinge principalmente os grupos de riscos (crianças, idosos, gestantes e pessoas com doenças crônicas).

É importante compreender mais sobre o assunto para providenciar a imunização necessária e evitar complicações na sua saúde. Vamos aprender mais sobre o assunto? Venha conosco!

Entenda quais são os principais tipos de vírus

Existem três tipos de vírus da gripe (influenza) : A, B e C.

No grupo A , no Brasil encontramos principalmente os tipos H1N1 e  H3N2. Os vírus do grupo A podem ser encontrados tanto nos humanos quanto nos animais. Devido a essa particularidade, eles fazem troca de material genético (shifts), podendo de tempos em tempos surgir um novo vírus  com características diferente dos circulantes em determinada época e causar uma pandemia (epidemia de alcance mundial), como por exemplo, quando do surgimento  do vírus influenza H1N1 em 2009.

Além disso os vírus A sofrem pequenas mutações anuais (drifts), que apesar de pouco significantes em termos genéticos, muda a caraterística destes, ou seja: o vírus A pode mudar todos os anos, e isso geralmente acontece! Por isso que é importante a vacinação  anual  pois a vacina do ano passado raramente é igual do ano atual.

Os grupo B infectam exclusivamente os humanos e encontramos dois grupos principais: linhagem B/Yamagata e B/Victoria. Não sofrem grandes mutações e é comum que haja  predominância da circulação de vírus sobre o outro anualmente.

Já os tipos de vírus tipo C infectam tanto humanos quanto suínos, causando implicações menos significativas de saúde pública.

Agora que você aprendeu os principais tipos de vírus, vamos falar sobre os 3 mais recorrentes: o H1N1, o H3N3 (seria H3N2, certo) e os vírus tipo B.

Conheça o H1N1

Como vimos, o H1N1 é um subtipo do influenzavírus tipo A. Ele é a combinação de segmentos genéticos do vírus humano da gripe com a gripe aviária e suína.

A transmissão se dá pelo contato direto com os animais que têm o vírus ou com objetos: a contaminação acontece por vias aéreas, respiratórias e por partículas de saliva.

Os principais sintomas são:

  • febre acima de 38ºC;
  • dor de cabeça;
  • dor muscular;
  • irritação nos olhos;
  • dor de cabeça;
  • coriza;
  • diarreia;
  • vômito;
  • cansaço;
  • coriza
  • pode evoluir para Síndrome de Angustia Respiratória Aguda Grave com mais frequência que os outros vírus respiratórios.

A única maneira de prevenir a gripe H1N1 é por meio da vacinação, que está disponível na rede pública e privada.

Veja mais sobre o H3N2

O H3N2 também é um subtipo do vírus do tipo A. Sua transmissão é igual a qualquer transmissão do vírus da gripe (secreções respiratórias, gotículas de saliva e contato com objetos contaminados).

Os sintomas são:

  • febre, que também pode ser maior que 38 graus;
  • dor de garganta;
  • cansaço;
  • náuseas;
  • vômito;
  • congestão nasal;
  • espirros;
  • tosse seca;
  • dores no corpo e;
  • pode evoluir para Síndrome de Angustia Respiratória Aguda grave principalmente em menores de 5 anos, maiores de 60 anos e pacientes com doenças crônicas.

A melhor forma de prevenir o vírus é imunizando-se. Caso a pessoa tenha os sintomas acima é necessário consultar com um médico especialista para avaliar o quadro e providenciar o melhor tratamento.

Saiba o que são vírus tipo B

Os vírus da influenza tipo B são divididos em duas cepas, a Victoria e Yamagata. Costuma circular principalmente no início e final da temporada de gripe. Os principais sintomas são:

  • dor muscular;
  • febre alta;
  • diarreia;
  • vômito;
  • náuseas;
  • cansaço;
  • dores no corpo;
  • coriza e;
  • Como os outros, pode evoluir para Síndrome da Angustia Respiratória Aguda Grave, principalmente nos bebes, idosos e portadores de doenças  crônicas

As vacinas anti influenza disponíveis atualmente são :

TRIVALENTE: que protege contra 2 vírus A e 1 vírus B (Victória ou Yamagata)

TETRAVALENTE: que protege contra 2 vírus A e 2 vírus B (Victória e Yamagata)

Agora que você conheceu os tipos de vírus da gripe, as suas diferenças e os seus sintomas, questionamos: você já se imunizou contra a gripe? Não deixe de se proteger contra ela, viu?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *